Se você é advogado, sabe que existem diversas restrições quanto à forma de divulgação de seu escritório, quanto ao tipo de publicidade permitida, entre outras coisas. Ainda assim, é importante que você tenha em mente algumas estratégias para realizar o marketing do seu negócio e manter o fluxo de clientes em seu escritório. Pensando nisso, listamos quatro dicas essenciais sobre marketing jurídico para você atrair mais clientes. Veja como:

Atente-se às regras do Código de Ética e Disciplina da OAB

O Código de Ética e Disciplina da ordem estabelece as diretrizes que deverão ser observadas pelos profissionais ao realizar a divulgação de seu trabalho. Basicamente, essas regras visam tornar as relações entre advogados e clientes as mais éticas, respeitosas, dignas e objetivas possíveis. Nesse sentido, as regras estabelecidas pela OAB proíbem a utilização: do nome de clientes anteriores; de cargos e funções públicas que o advogado tenha exercido; dos valores cobrados para cada demanda; e, entre outras proibições, de imagens e fotografias que sejam incompatíveis com a profissão (que atentem contra a moral e os bens costumes, por exemplo).

Reflita sobre a cartela de clientes que você possui

Ao traçar estratégias de marketing, é importante refletir sobre o perfil de seu escritório de advocacia e sobre a cartela de clientes que você possui. Assim, pense sobre como você conseguiu seus principais clientes. Foi por meio de indicação, propaganda pessoal, ou outra forma de divulgação de seu trabalho? Isso diz muito sobre o exercício de sua profissão no mercado. Alguns advogados preferem não anunciar suas atividades, pois acreditam na maior confiabilidade de indicações pessoais. Outros advogados, interessados em demandas de massa (ações coletivas, juizados especiais, etc.), acreditam que a melhor forma de angariar um número elevado de clientes seja por meio de propaganda. Nesse sentido, há várias opções de divulgação no mercado: internet, networking, congressos, presença na mídia, eventos e palestras, outros veículos de comunicação, etc. Cada cliente exige um tipo de marketing diferente, por isso essa escolha é tão importante.

Ressalte seus diferenciais

Em reuniões de negócios ou prospecção de novos clientes, deixe bem claro a resposta a essas duas perguntas: como advogado, qual o seu diferencial no mercado?; e como profissional, desconsiderando os aspectos jurídicos, qual seria seu diferencial? Esses dois aspectos podem ser a chave para seu sucesso profissional. Clientes com demandas trabalhistas, por exemplo, valorizam muito o contato direto com o advogado que cuidará de sua causa. Nesses casos, ligações e reuniões frequentes sobre o andamento da causa são essenciais. No caso de demandas de grandes empresas, é fundamental que a organização das atividades leve em consideração os prazos de realização de trabalho, a emissão de relatórios frequentes e abrangentes, entre outros aspectos. Todas essas características em relação ao atendimento ao cliente devem ser ressaltadas no momento de prospecção.

Utilize a tecnologia a seu favor

Atualmente, a tecnologia é o melhor aliado dos advogados. Existem softwares especializados no controle de processos e prazos, mas também de clientes e de seus pagamentos. Assim, utilize-se dessas ferramentas de gestão e melhore os resultados de seu escritório. Saiba, por meio de relatórios gerenciais, quais são os clientes mais lucrativos, os que apresentam mais demandas e os que necessitam de melhor atendimento. A partir desse aprimoramento tecnológico, a gestão da cartela de clientes será mais fácil, ágil e estratégica. Você poderá se concentrar na prospecção de clientes e no andamento das causas em curso. E consequentemente terá clientes mais satisfeitos.

Gostou das dicas?

 

Compartilhe:

Comentários